A Zeno Media Station Rádio Underground : Morte De Neil Peart

sábado, 11 de janeiro de 2020

Morte De Neil Peart



RIO - Baterista e letrista do Rush, uma das maiores bandas de rock da história, o canadense Neil Peart morreu na terça-feira, em Santa Monica, na Califórnia, aos 67 anos. A causa foi um câncer no cérebro, conhecido como glioblastoma, contra o qual ele vinha lutando há três anos, de acordo com Elliott Mintz, porta-voz da família Peart. Um representante do Rush confirmou a notícia do falecimento na tarde desta sexta-feira, e a banda soltou uma comunicado oficial em suas redes sociais.
"Pedimos para que amigos, fãs e a imprensa respeitem a necessidade da família por privacidade e paz nesse momento extremamente doloroso e difícil. Aqueles que gostariam de expressar as suas condolências podem escolher um grupo de pesquisa sobre o câncer ou uma instituição de caridade para fazer uma doação em nome de Neil", pediu o Rush na nota.
Considerado um dos melhores bateristas da história do rock, com um estilo exuberante e técnico (que inspirou entre o público a prática do air drumming, de imitação do seu jeito de tocar), ele se juntou ao cantor e baixista Geddy Lee e ao guitarrista Alex Lifeson no Rush em 1974. Suas letras inspiradas em ficção científica, magia e filosofia ajudaram a tornar o trio uma das principais bandas da era clássica do rock, sempre com sentimentos individualistas e libertários que criaram canções inesquecíveis como "Tom Sawyer" e "Freewill".
Autodidata e compositor de mão cheia, Peart era também um escritor — ele lançou livros sobre suas viagens e suas memórias.
Em mais de 45 anos de carreira, o Rush fez turnês por arenas e estádios, e emplacou mais de uma dúzia de álbuns de platina.
Fonte :  O Globo

2 comentários:

  1. Muito bacana a materia sobre esse mestre virtuoso das baquetas NP!!! Até hoje chateado por sua passagem pras galáxias. Nos resta curtir slegseusados!!! Valeu galera!!! Paz e rock!!!

    ResponderExcluir
  2. Quis dizer: " Curtir seu legado" ha ha ha

    ResponderExcluir

Resenha Sade

Resenha da Cantora Sade Sade : Promise (1985) Quando a nigeriana Sade canta, nos encanta , simples assim. A voz melódica, suave e...